segunda-feira, 29 de agosto de 2011

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

quero as cores
das casas mais frias
vermelho fogo

(Fabio Rocha)

SEM EXCEÇÃO

entre o santo 
e o demônio 
cabe toda a humanidade 

TUDO

o dia renova o sol 
ovo sem clara 
clareando o dia 

"No clima do silêncio, da não-mente, de nenhuma perturbação interior, de absoluta clareza, paz e silêncio, de repente você verá que milhares de flores se abriram dentro de você. E a fragrância delas é amor.

Naturalmente, primeiro você amará a si mesmo, porque esse será o seu primeiro encontro. Primeiro você ficará consciente da fragrância que está surgindo em você e da luz que nasceu em você e da bênção que está banhando você. Então amar se tornará a sua natureza. Você amará muitos, você amará todos." (OSHO)

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

LAR

Para Rebeca

a casa se aquece pela cozinha
plexo sem muitas complexidades
se esquece de tudo e ri de novo

(Fabio Rocha)

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

DA ESPERA

as palmeiras 
no mesmo lugar 
contemplando o silêncio do céu 

É UMA DANÇA, ROCHA

e só tem 
graça 
se não cansa 

:) NÚMERO 10

levante-se: 
é hora de tentar 
o impossível 

O COSMO MÁXIMO

plexo escancarado 
nada é complexo 
todo passo é busca 

A_PONTA

sexta-feira santa 
canto profano 
um leque de setas 

DO NÃO QUERER ESTAR EM NENHUM OUTRO LUGAR

paixão é a janela
para fora
de minha espera

(Fabio Rocha)